Ontem eu enviei um e-mail para os membros do Conselho Ubuntu Brasil (grupo o qual tenho participado por um bom tempo) informando sobre a minha decisão de sair da equipe. Pelos últimos 6 meses tenho estado extremamente ocupado no trabalho, como também trabalhado nas traduções do GNOME, XFCE, Ubuntu e no meu projeto BillReminder. E como se isso não fosse suficiente, a Kate, minha filha mais nova já tem 14 meses de idade e está andando pelo apartamento todo… e a Yv já tem quase 7 anos! :)

Assim como eu fiz ao passar a liderança da equipe de tradutores do Ubuntu para dar uma oportunidade para alguem administrar a equipe, mais uma vez eu acredito que está na hora de deixar o “sangue novo” mostrar serviço.

Olhando em retrospectiva quando iniciei na comunidade em 2005, eu posso dizer que foi muito bacana a oportunidade de “asfaltar” o caminho para esta nova geração de usuários Brasileiros de software livre. Se adicionar o fato que fiz tudo daqui dos Estados Unidos sem ter a chance de conhecer ninguem ao vivo e à cores, me sinto mais orgulhoso ainda. Claro que houveram muitas pedras no caminho, e infelizmente algumas amizades foram afetadas devido a opiniões diferentes. Mas eu realmente acredito que fiz o melhor que pude para manter o interesse da comunidade em primeiro lugar. Eu fiz o que líderes são supostos fazer: tomar decisões! E não tenho nenhum arrependimento!

Isso significa que não estarei mais envolvido com a comunidade Ubuntu? De forma nenhuma! Nos últimos anos meus interesses expandiram além da comunidade Ubuntu e hoje estou envolvido com várias comunidades, distribuições e projetos. Eu ainda estarei envolvido com a galera do Ubuntu Brasil e estou super curioso para ver o que a nova safra de administradores e líderes do Ubuntu Brasil tem para oferecer!


Comments

comments powered by Disqus